Antidepressivo Engorda ou Emagrece?

Phyto Power Caps

Os antidepressivos são um tipo de medicamento utilizado para reduzir os sintomas de pacientes que apresentam problemas relacionados à depressão. Eles funcionam na correção de desequilíbrios químicos de neurotransmissores no cérebro. São justamente esses desequilíbrios que podem estar relacionados a mudanças de humor e comportamento de um indivíduo.

Por que o antidepressivo engorda?

É possível afirmar que o antidepressivo engorda devido ao fato de que um dos efeitos colaterais que o medicamento ocasiona na vida de um paciente é o aumento de apetite. Essa questão também pode se tornar motivo de preocupação para uma pessoa que tenha sido recomendada a utilizar o remédio para se livrar de problemas relacionados à depressão.

Um estudo realizado através da coleta de dados de aproximadamente 20 mil pacientes adultos que estavam em tratamentos com antidepressivos durante um ano, oriundos de um sistema de saúde da Nova Inglaterra nos Estados Unidos, constatou o aumento de peso que determinados tipos de antidepressivos podem trazer aos usuários.

Os pesquisadores descobriram que os pacientes que ingeriam um medicamento chamado citalopram (Celexa), que é conhecido como um Inibidor Seletivo de Recaptação de Serotonina (ISRS), aumentaram o seu peso em mais de 1,2 kg.

Por sua vez, os usuários do remédio fluoxetina (Prozac), que também funciona como um ISRS, engordaram aproximadamente 700 gramas e aqueles que tiveram tratamento com sertralina (Zoloft) prescrito tiveram um aumento de peso em cerca de 1 kg.

O que fazer em frente ao aumento de peso

Você sabe que tem problemas com depressão, foi procurar tratamento, tomou o remédio prescrito pelo médico e percebeu que o antidepressivo engorda. O que fazer? O primeiro passo é ser honesto com o profissional que recomendou o remédio e alertá-lo sobre o aumento de peso, principalmente se ele for muito exagerado. Você pode questioná-lo quanto à escolha do medicamento e perguntar se não existe a possibilidade de trocar o antidepressivo por outro remédio que não cause tanto aumento de peso.

Não deixe que os efeitos colaterais do remédio te desanimem quanto ao tratamento. Continue frequentando o médico, que poderá te informar se o resultado está sendo como esperado e como anda a sua evolução clínica.

Caso sinta insegurança com o profissional que estiver te acompanhando, não há nada de errado em buscar uma segunda opinião confiável e tirar todas as dúvidas que eventualmente possa ter. Só não interrompa o tratamento sem a recomendação de um especialista ou sem comunicar o médico.

Também não tome remédios por conta própria com o objetivo de inibir o efeito de ganho de peso do antidepressivo. Quem não tem especialização na medicina, provavelmente não sabe escolher um remédio e nem verificar que prejuízos ele pode causar ao organismo. Se insistir nessa prática, em vez de solucionar um problema, você poderá acabar ganhando outro.

Outra ação fundamental é fazer de tudo para não contribuir ainda mais com o aumento de peso causa pelo medicamento. Uma sugestão é procurar mudar os hábitos alimentares trocando as guloseimas, salgadinhos, doces e comidas congeladas por alimentos frescos e mais saudáveis como frutas, legumes e verduras. Lembre-se que as pesquisas indicam que o antidepressivo engorda mais por conta do ganho de apetite, da superação da depressão. Então é preciso tomar cuidado com os hábitos alimentares e o nível de atividade física diária.

Por último, mas de maneira nenhuma menos importante, tente praticar algum tipo de exercício físico. Além de fazer bem para a saúde, movimentar o corpo em atividades ajuda a liberar a endorfina, uma substância conhecida como analgésico natural e que provoca sensações de bem-estar e tranquilidade e ainda inibe o estresse. Uma partidinha de futebol ou vôlei com os vizinhos e até uma caminhada podem ser suficientes para contribuir nesse sentido.

Algum antidepressivo emagrece?

Um dos efeitos colaterais do antidepressivo é o aumento de peso, mas existem alguns deles que causam justamente o contrário: o emagrecimento.

O antidepressivo Wellbutrin é um medicamento que causa o emagrecimento nas pessoas que se utilizam dele. O motivo é que ele aumenta a velocidade do metabolismo e a energia do corpo e pode chegar até a diminuir o apetite em alguns indivíduos.

O mesmo estudo que constatou o efeito de aumento de peso nos antidepressivos citalopram, fluoxetina e sertralina, identificou que os pacientes de depressão tratados com o wellbutrin perderam aproximadamente um quilo após o uso do medicamento.

Entretanto, esse remédio também pode causar alguns efeitos indesejáveis como o aumento da ansiedade, além de não ser eficiente para equilibrar a serotonina, neurotransmissor responsável por fatores como a regulação do sono, apetite, ritmo cardíaco, temperatura corporal e funções intelectuais.

O baixo nível de serotonina no organismo pode causar problemas como mau humor, sonolência, falta de desejo sexual, aumento do apetite, dificuldade no aprendizado e concentração, irritabilidade, cansaço e falta de paciência.

Vale salientar aqui que se utilizar de antidepressivos que emagrecem sem recomendação médica e sem ter problemas de depressão, somente para emagrecer é uma atitude extremamente arriscada. Além do perigo que envolve a automedicação, um antidepressivo pode causar diversos outros efeitos colaterais que vão além da perda de peso.

A melhor forma de emagrecer não é ingerir um antidepressivo que diminua o apetite, mas sim mudar hábitos alimentares e praticar exercícios físicos, preferencialmente com a orientação de especialistas.

Outros efeitos colaterais dos antidepressivos

Além de existir os antidepressivos que emagrecem e aqueles que engordam, esses medicamentos ainda podem trazer alguns efeitos colaterais nada agradáveis como náusea, fadiga, sonolência, insônia, constipação, boca seca, visão borrada, irritabilidade, ansiedade, agitação e vertigem.

Os antidepressivos também podem ocasionar prejuízos à vida sexual do paciente causando a perda do apetite sexual, disfunção erétil e diminuição do orgasmo.

Confira também: Phyto Power Caps review? Lançamento do ramo de emagrecimento que está batendo recordes de vendas no Brasil: Phyto Power Caps potente emagrecedor que tem salvado centena de milhares de pessoas por todo país a emagrecer naturalmente.